Papa agradece orações e felicitações recebidas no Natal

Compartilhe essa Pagina

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on telegram
Share on whatsapp

Após rezar o Angelus, o Pontífice agradeceu as felicitações de Natal recebidas nestes dias vindas de várias partes, assim como as orações. Francisco já o havia feito em seu primeiro tuíte na manhã deste sábado:

Que o clima alegre do Natal, que hoje se prolonga e ainda enche nossos corações, desperte em todos o desejo de contemplar Jesus no Presépio, para depois servi-lo e amá-lo nas pessoas que nos rodeiam. Nestes dias, tenho recebido mensagens de felicitações de Roma e de outras partes do mundo. É impossível responder a cada um, mas aproveito a oportunidade e expresso agora a minha gratidão, especialmente pelo dom da oração, que vocês fazem por mim e que retribuo de bom grado.

Colaboração com as autoridades para preservar a saúde de todos

Mas antes disso, ao saudar aqueles que acompanhavam o “momento de oração” pelos meios de comunicação, o Papa explicou o porquê de a oração ser realizada nestes dias na Biblioteca do Palácio Apostólico:

Devemos fazer assim, para evitar que as pessoas venham para a Praça [de São Pedro]. Assim, para colaborar com as disposições dadas pelas Autoridades, para ajudar a todos nós a escapar desta pandemia.

Vatican News

Mais Artigos